Notícia

Halloween e suas origens irlandesas

Embora não seja uma celebração tradicional no Brasil, qualquer visitante na ilha esmeralda percebe a preparação para o Halloween, pelas decorações nas residências, lojas, foguetes e crianças e adultos fantasiados pelas ruas. 

Halloween na Irlanda não é somente um evento comercial, o mesmo tem toda uma relação com o paganismo durante o período Celta, conhecido como Samhain. O festival marca o fim da colheita anual e o início do inverno. 

Durante Samhain, todo o gado e outras criações são trazidos dos pastos para abrigos onde serão protegidos durante o inverno. Fogueiras de celebração são comuns, juntamente com outros rituais associados. Também é uma época para se conectar com as almas dos mortos e ceiar em homenagem aos amados que já se foram, com a crença de que estes podem fazer uma visita durante o período. Muitos estudiosos consideram Samhain como o Ano Novo Celta. 

Durante o cristianismo, o qual chegou na Irlanda em meados de 431 AC, Samhain foi batizado como “O dia de todos os santos ou dia de finados”, no dia primeiro de novembro. Como o nome sugere, o evento também é celebrado como o dia das almas, onde se honra e respeita a passagem do Santos na fé cristã e celebra a passagem de entes queridos no dia 2. 

Essa combinação de eventos se tornou o que chamamos de Halloween hoje em dia, mas no Brasil é oficializado como Dia de Finados.

Se estiver na Irlanda ou qualquer outro país que celebre Halloween, não deixe de impressionar seus amigos com essa informação que reúne tanta história! 

Author: Thiago

Mudei-me para a Irlanda 2012. Trabalho como administrador de empresas e viajo muito para a Europa com meu trabalho. Gosto de escrever e de atletismo durante minhas férias e tento visitar amigos e familiares todos os anos no Brasil.
or connect on social media below: