au pair babá ireland host family

Muitos brasileiros, assim como outras nacionalidades, acabam trabalhando como au pairs quando chegam à Irlanda: um papel que envolve cuidado e responsabilidade para cuidar dos filhos de famílias residentes na Irlanda, geralmente nativos.

O trabalho de au pair é basicamente a maneira mais eficaz para quem quer conhecer de perto a cultura familiar irlandesa. As obrigações podem variar entre cuidar das crianças e às vezes leves tarefas domésticas. Geralmente o trabalho envolve levar as crianças à escola, brincar e preparar lanches rápidos e manter a cozinha e os brinquedos organizados. Algumas famílias podem pedir a aupair para colocar as roupas das crianças para lavar e algumas até para passar! Por isso é muito importante conversar com os futuros "chefes" com antecedência para deixar claro o que é obrigação e o que não é.

Em média, as au pairs trabalham entre 20 e 30 horas por semana, geralmente de segunda a sexta quando os pais estão trabalhando. Muitas au pairs encaixam os horários de trabalho com suas aulas de inglês, mas existem limitações em algumas famílias, de modo que somente o período de férias seria adequado para trabalhar.

Enquanto as au pairs têm sua própria legislação em muitos países - como nos EUA - as au pairs na Irlanda são tem regulamentação específica e por isso são consideradas "trabalhadoras domésticas". Ou seja: têm direito aos salários mínimos irlandeses e devem gozar dos mesmos direitos que os demais funcionários de outros setores. Embora este possa ser o grande ponto negativo de exercer a função de aupair na Irlanda, muitas meninas defendem que a experiência cultural e a vivência com a língua acabam valendo a pena no final das contas. A grande maioria das aupair ganham o que chamamos de "Pocket Money", realmente como se fosse uma mesada, pois o valor é bem abaixo do estabelecido por lei para uma funcionária doméstica.

Ultimamente o debate sobre a regularização do trabalho de aupairs tem aumentado significativamente devido a inúmeras denúncias de abuso, com cargas de trabalho acima do permitido e pagamento insuficiente, acomodação inadequada e conduta imprópria das famílias anfitriãs.

Dependendo da família, o trabalho pode ser relativamente simples e confortável, mas em alguns casos, pode ser um ambiente desagradável e sobrecarregado com crianças teimosas e indisciplinadas. De toda forma, a prática continua sendo uma opção atraente para muitos brasileiros e a grande maioria das aupairs obtiveram uma experiência positiva. Se isso é uma coisa que lhe interessa, dê uma pesquisada nos grupos de brasileiros do Facebook e aproveite para dar uma olhada em sites como aupairworld.com e aupairireland.ie. Lembre-se de nunca enviar dinheiro ou detalhes muito pessoais para famílias pela internet e marque uma entrevista pessoalmente para conhecer suas kids e sua host family. Se em um primeiro momento você não curte a vibe deles, corre que é cilada!

Nós reunimos as perguntas mais frequentementes de estudantes que consideram trabalhar como aupair:

Por que há tantas au pairs brasileiras na Irlanda?

O trabalho de aupair na maioria das vezes significa hospedagem gratuita, o que é uma proposta muito atraente durante épocas tão difíceis de obter acomodações a preços acessíveis. Muitos brasileiros simplesmente adoram trabalhar com crianças e acabam assumindo esse papel com muita facilidade, além de ter a possibilidade de praticar o inglês diariamente. Sendo assim, a opção é muito popular entre os estudantes que desejam ter um dinheirinho a mais enquanto frequentam as aulas de inglês.

Quais são as vantagens de se tornar uma au pair?

  • Hospedagem: Aluguel grátis ou muito barato para quem mora com suas famílias anfitriãs
  • Aprenda inglês: O trabalho de aupair é considerado uma grande oportunidade para praticar inglês com as crianças no dia a dia.
  • Experiência Cultural: A oportunidade de viver uma rotina típica de famílias irlandesas
  • Transporte: Muitas famílias anfitriãs fornecem carro para coleta das crianças da escola e uso da própria aupair caso queiram.

Quais são as desvantagens de se tornar uma au pair?

  • Geralmente baixa remuneração: A média salarial de aupairs que moram com suas famílias costuma ser muito abaixo do salário mínimo dependendo da quantidade de horas trabalhadas.
  • Falta de diretrizes / representação: Embora oficialmente categorizados como "Trabalhadores Domésticos", que devem usufruir dos direitos mais básicos, não existe regularização quanto ao termo aupair - o que facilita o abuso por parte de algumas famílias e desinformação das próprias candidatas ao trabalho.
  • Aumento da carga de trabalho: Como as aupairs moram na casa, muitas famílias acabam pedindo "favores", tipo fazer o jantar, cuidar do cachorro, fazer um babysitting no sábado a noite.

Qual é o salário de uma aupair?

A remuneração de au pair normalmente varia entre €120 e €250 por semana, ou seja, apesar de um requisito legal para um salário mínimo (€ 9,80 por hora no momento da edição).

Como faço para obter uma posição como au pair?

Existem várias maneiras de conseguir uma vaga! Muitos usam uma agência, enquanto outros procuram postagens de emprego em murais de vaga e sites independentes. Basta dar uma pesquisada no Google para descobrir mais recursos.

Dicas para quem considera o trabalho de Au Pair:

  • Considere a localização: Muitas au pairs vivem em cidades maiores e algumas no interior, você tem o meio de transporte para ir à escola regularmente ou o local é muito remoto? Se você não gostaria de passar seu intercâmbio morando em uma fazenda rodeada de ovelhas, é melhor checar essa informação com cuidado!
  • Verifique o local de trabalho da au pair: Verifique se o contato postando o trabalho é a au pair atual ou o próprio chefe. Isso geralmente indica uma experiência positiva e uma família bacana. A au pair pode estar voltando para o Brasil ou ter uma razão válida para deixar o cargo, e provavelmente ajudando a família a encontrar um substituto para cuidar de crianças às quais eles se apegaram. Se este for o caso, pergunte tudo sobre a experiência, sobre a família e condições de trabalho. Isso faz toda diferença!
  • Se conseguir um emprego em uma agência, faça perguntas: Quantas au pairs trabalharam para a família no último ano? Quantos nos últimos 2 anos? Por que eles saíram? Posso falar com au pairs passadas? Há mais alguma coisa que eu deveria saber etc? Estas são todas as perguntas válidas e aceitáveis ​​para perguntar a uma agência antes de aceitar uma oferta.
  • Faça perguntas diretamente à família anfitriã: estabeleça os limites, não seja tímido. Essa pode ser sua casa nos próximos seis meses ou mais. Espero trabalhar nos finais de semana? Preciso cozinhar refeições apenas para as crianças? Tenho garantido um salário fixo semanalmente? Posso ter convidados a visitar a casa? Eu tenho meu próprio quarto?
  • Conecte-se com outras au pairs: Existem vários grupos de au pair no Facebook, onde você pode discutir muitos assuntos e também perguntar ex e atuais au pairs sobre o trabalho em geral. Esta também pode ser uma oportunidade de fazer amizade com outras au pairs de todo o mundo e aumentar o seu círculo social na Irlanda.

Links e recursos para au pairs na Irlanda


About the author: James Osborne
While not Brazilian himself James likes all things tech and works as a web specialist for a multinational in Dublin.
Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

BRASILEIRO NA GALERIA DA IRLANDA #oi.ie

Pegue sua foto listada no site oi.ie. Basta usar a hashtag # oi.ie ao enviar uma foto para o seu instagram.

LINKS E RECURSOS

Veja abaixo algumas informações úteis e sites relacionados a brasileiros na Irlanda. Clique em qualquer um dos links para abrir.

Oi.ie Newsletter...

Receba as últimas notícias, notícias e blogs diretamente na sua caixa de entrada. Inscreva-se usando o formulário abaixo, você pode cancelar a inscrição a qualquer momento.

Escreva para nós...

Obtenha sua história listada no Oi.ie e compartilhe sua experiência com milhares de outras pessoas, ou contribua como autor em nossa plataforma.

ENVIE SUA HISTÓRIA  ESCREVA PARA NÓS

Você também pode enviar um e-mail para info@oi.ie para quaisquer outras consultas.

Back to Top

Scandal HQ Satire