Notícia

Covid-19: Orientações da Embaixada do Brasil aos brasileiros na Irlanda

O Ministério das Relações Exteriores do Brasil criou um formulário para brasileiros que estão no exterior e necessitam de ajuda durante a pandemia do Covid-19. O solicitante deve informar seus dados pessoais e sua atual situação.

Para emergências, os brasileiros na Irlanda ou em qualquer outro país da Europa podem entrar em contato pelo telefone +55 (61) 98260-0787.

A Embaixada do Brasil em Dublin segue funcionando, mas o atendimento ao público é restrito aos casos urgentes, das 10h às 13h. A Embaixada pede para não trazer idosos e crianças para o local. Além disso, pedidos de passaporte devem ser feitos através dos correios, exceto nos casos emergenciais.

Aos brasileiros que estejam com visto próximo do vencimento, o governo da Irlanda anunciou o prolongamento temporário de todos os vistos que expiram entre os dias 20 de março e 20 de maio por mais dois meses. O serviço de imigração em Burgh Quay, em Dublin, assim como todos os outros postos de renovação de vistos estão temporariamente fechados. Todas as pessoas que possuíam agendamentos antes do dia 20 de maio serão contatadas pelo serviço de imigração nas próximas semanas.

Aos brasileiros que tiveram voos de retorno ao Brasil cancelados, a Embaixada recomenda entrar em contato com as companhias aéreas para remarcação da data de viagem, visto que ainda não há nenhuma restrição de saída do país. Da mesma forma, o Brasil ainda não impõe restrições à entrada de vôos provenientes de qualquer país do mundo.

Aos brasileiros que trabalham na Irlanda e perderam seu emprego ou tiveram sua carga de trabalho reduzida devido à crise, o governo irlandês está oferecendo um benefício semanal no valor de €203 durante seis semanas. O benefício vale para pessoas que tenham entre 18 e 66 anos, incluindo estudantes e titulares de vistos Stamp 2 e Stamp 4. Informações sobre como solicitar o benefício estão disponíveis neste site.

Aos brasileiros que tenham que ficar em quarentena por instrução médica terão direito a uma licença médica no valor de €305 por semana, durante duas semanas. Pacientes diagnosticados com o vírus terão direito ao pagamento do benefício durante todo o período de afastamento. Mais informações estão disponíveis neste site.

Author: Pedro Henrique Moschetta

Trabalho com marketing digital e morei por dois anos na Europa. Gosto de escrever sobre viagens, negócios e entretenimento, além de compartilhar dicas e conselhos para brasileiros que moram fora do país.
or connect on social media below: