Notícia

A casa mais mal-assombrada da Irlanda está à venda

Loftus Hall, conhecida por ser a casa mais mal-assombrada da Irlanda, está à venda por 2,5 milhões de euros (cerca de 15 milhões de reais). A propriedade, localizada na península de Hook, condado de Wexford, possui cerca de 25 hectares, uma praia própria, e recebe muitos turistas curiosos, principalmente durante os tours oferecidos na época de Halloween.

Diz a lenda que, durante uma tempestade, os moradores da época – a família Tottenham – receberam a visita de um estranho. O homem procurava abrigo após seu navio ter sido levado até a costa pelo mar agitado. A família convidou-o para entrar e passar a noite com eles. Durante um jogo de cartas, a jovem Anne Tottenham deixou cair uma carta no chão e, ao abaixar-se para pegá-la, viu que o homem tinha patas com dois dedos ao invés de pés. Assim que se deu conta do que tinha visto, o homem sumiu pelo teto da casa, deixando um rastro de fumaça.

Anne ficou em choque, e nunca se recuperou do trauma. A jovem enlouqueceu e foi trancada em um quarto para evitar que as outras pessoas a vissem. Anne morreu alguns anos depois, mas os parentes e empregados continuavam a vê-la vagando pela casa. Um padre foi chamado para exorcizar o local, mas isso não foi possível no quarto de Anne, onde ficou trancada por muitos anos.

Desde que a casa foi reaberta para visitas, em 2012, visitantes relatam ouvir e sentir coisas estranhas em alguns ambientes da casa.

A mansão de 22 quartos foi construída por volta de 1350 pela família Redmond, que permaneceu no local até 1650, quando a propriedade foi doada à família Loftus. Entre os anos de 1872 e 1879, o local passou por grandes reformas em preparação para a visita da Rainha Vitória. A visita, no entanto, nunca aconteceu, e a família ficou com muitas dívidas após todas as obras feitas na propriedade.

Nos anos seguintes, a casa passou por diversos donos e chegou a ser transformada em um hotel na década de 1980, funcionando até o início da década de 1990. A propriedade foi vendida para os atuais donos em 2011 e passou por grandes reformas estruturais.

Se você for corajoso o suficiente para agendar uma visita, verifique as datas disponíveis no site.

Author: Pedro Henrique Moschetta

Trabalho com marketing digital e morei por dois anos na Europa. Gosto de escrever sobre viagens, negócios e entretenimento, além de compartilhar dicas e conselhos para brasileiros que moram fora do país.
or connect on social media below: